Skip to content

McCann confirmam regresso a Lisboa

27/01/2010

Gerry McCann à saída do tribunal – Foto de “Hasta que se sepa la Verdad”

Os pais de Maddie, Kate e Gerry McCann, que hoje vão assinalar o milionésimo dia desde que a filha desapareceu, regressam a Portugal no dia 9 de Fevereiro para estarem presentes, na manhã seguinte, no tribunal cível de Lisboa.
A 10 de Fevereiro, é naquele tribunal, perante a juíza Maria Gabriela Cunha Rodrigues – filha do ex-procurador-geral da República Cunha Rodrigues -, que decorre ainda o julgamento da providência cautelar de proibição de venda do livro “Maddie – A Verdade da Mentira” da autoria do ex-coordenador da Polícia Judiciária, Gonçalo Amaral.
A viagem do casal foi confirmada ao 24horas por fonte próxima do casal e por Clarence Mitchell, ainda porta-voz de Kate e Gerry McCann. Por enquanto, Mitchell, que não deve deslocar-se a Lisboa, mantêm-se como porta-voz do casal apesar das suas intenções de disputar um lugar no parlamento britânico nas próximas eleições como deputado conservador.
No mesmo dia em que o tribunal se reúne para ouvir as duas ultimas testemunhas apresentadas pela defesa de Gonçalo Amaral, a que se segue a leitura das conclusões, o ex-coordenador da PJ participa num jantar em Torres Vedras com varias centenas de apoiantes do “Projecto Justiça”, movimento criado por um grupo de cidadãos para o ajudar a fazer face às custas dos diversos processos que o opõem ao casal britânico.
De acordo com Luís Arriaga, porta-voz daquele movimento, o jantar – o segundo organizado pelo “Projecto Justiça Gonçalo Amaral” que já tinha reunido mais de meia centena de populares em Mafra – é precedido de um encontro com a imprensa portuguesa e britânica.

→ Também no 24horas

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: