Skip to content

Corpo de Myriam encontrado no rio

29/11/2009

Polícia privilegia tese do suicídio

Myriam Caseiro estava desaparecida desde 8 de Novembro.

O corpo de Myriam Caseiro, de 18 anos, a jovem portuguesa que tinha desaparecido em Estrasburgo, França, no dia 8, foi retirado sem vida do rio Reno na passada quinta-feira, mas só ontem as autoridades francesas confirmaram oficialmente a sua identidade.
O Procurador em Estrasburgo, Jacques Louvel, confirmou ao 24horas que a tese privilegiada pelos investigadores é o suicídio já que o local onde o corpo da jovem emigrante foi encontrado assim como a autópsia praticada “não revelaram nem indícios, nem quaisquer traços de violência física ou sexual”.
Myriam Caseiro tinha saído de casa da mãe, em Neudorf, na região de Estrasburgo, na noite de 8 Novembro deixando para trás todos os seus pertences: a polícia encontrou no quarto da jovem o seu telemóvel, o saco e a carteira onde estava todo o seu dinheiro.
Filha de portugueses originários da Serra da Pescaria, na Nazaré, a jovem prepara o seu bacharelato numa escola profissional da região e era descrita por todos, familiares e amigos, como “uma pessoa muito calma e sem problemas”.
Apesar de o corpo ter sido encontrado, – o desaparecimento da jovem portuguesa, que o 24horas revelou, chegou a ser alvo de um alerta à Interpol – as autoridades francesas querem apurar as circunstancias em que a morte ocorreu e vão continuar o inquérito para encontrar o homem com quem a jovem terá sido vista na noite em que saiu de casa.
Corpo foi encontrado na AlemanhaAo 24horas, o procurador francês confirmou que o corpo da jovem foi encontrado do outro lado da fronteira, no Reno, na região alemã de Gambsheim, a cerca de 15 quilómetros de Estrasburgo.
“Ela parecia feliz, tinha namorado e nada nos leva a pensar que tenha feito uma fuga,” contou a prima Catarina Folgueira ao 24horas, excluindo na altura a hipótese de um suicídio.

Homem é procurado

O porta-voz do Serviço Regional de Policia Judiciária (SRPJ), em declarações ao 24horas, confirmou que a polícia continua a procurar o homem que teria abordado a jovem na noite em que Myriam desapareceu, e que foi visto por um vizinho.
Segundo este testemunho, o homem, que só foi visto de costas, terá entre 1,80 e 1,90m, cabelos curtos na nuca e ligeiramente mais longos no resto da cabeça. O indivíduo vestia um blusão preto de algodão e, quando foi avistado, falava calmamente com a adolescente que se encontrava no jardim de casa.

→ também no 24horas

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: