Skip to content

Português leva Justiça inglesa a tribunal

18/10/2009

Imagem video que condenou "Nico"

Imagem video que condenou "Nico"

Nicolas Bento, o português condenado erradamente pela justiça inglesa à prisão perpétua pela morte da namorada, vai levar as autoridades inglesas a tribunal.
“Eu vou até ao fim,” disse o jovem ao 24horas admitindo que pode levar o caso ao Tribunal Europeu dos Direitos do Homem se a justiça britânica não lhe der resposta. Também a ida a Bruxelas, perante os deputados portugueses, não está excluída.
Bento, que ontem esteve em Cascais acompanhado pelo advogado inglês Peter Hughman, não sabe dizer qual é o montante da indemnização pretendida “porque nenhuma quantia vai apagar o tempo e o sofrimento que viveu nas prisões inglesas,” mas “quer fazer tudo para evitar que outros passem pelo que ele passou.”
Nico Bento, como é conhecido dos amigos, foi condenado a prisão perpétua em Julho de 2007 com base no trabalho do mesmo laboratório utilizado no caso Maddie e nas imagens vídeo das câmaras de segurança que mostravam a namorada, Kamilla Grastzka, a caminhar sozinha para um lago da cidade de Bedford, a 90 quilómetros a norte de Londres, onde viria ser encontrado o seu corpo.
O português sempre clamou inocência, mas um falso especialista americano, recomendado pelo Forensic Science Service (FSS), afirmou no julgamento que nas imagens vídeo onde se via Kamila figurava igualmente uma mala que o emigrante encontrou na sua casa e que entregou à polícia do Bedfordshire.
Depois de mais de dois anos de detenção, a família contraiu um empréstimo e contratou o advogado Peter Hughman que obteve a reconstituição da cena, provando o erro da análise feita às imagens vídeo.

Mais sobre o caso AQUI

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: