Skip to content

Padre Pacheco recusou “circo” mediático na Igreja

06/04/2009

O Padre José Pacheco, responsável da pequena Igreja da Praia da Luz, recusou-se a que as filmagens do novo documentário dos McCann pudessem ser feitas na Igreja e mesmo os jornalistas eram convidados a não entrar no local. Cartazes em português e inglês foram mesmo colocados na entrada proibindo o acesso a câmaras e máquinas de fotografar.
De acordo com uma fonte próxima daquele pároco, o Padre Pacheco, muito criticado em 2007 por ter dado aos McCann a chave da Igreja, não quis desta vez que o “circo” criado pela presença do pai de Maddie pudesse afectar as cerimónias religiosas do Domingo de Ramos e receava mesmo a reacção dos populares.
Avisado da recusa do pároco, Gerry McCann acabou por ir sozinho à igreja na manhã de domingo. O pai de Madeleine entrou na igreja cerca das oito horas, uma hora mais cedo do que estava previsto.
Clarence Mitchell tinha anunciado aos jornalistas que o pai de Maddie iria à igreja cerca das nove da manhã e pediu aos jornalistas para não estarem no local: nem Gerry respeitou o horário do seu porta-voz e nem os jornalistas deixaram de estar no local.
Contrariamente ao que acontecia nos meses que se seguiram ao desaparecimento de Madeleine, quando os McCann eram calorosamente recebidos pelos populares na igreja, desta vez Gerry McCann foi ignorado pela grande maioria dos habitantes, apenas se fazendo ouvir alguns comentários de revolta à saída do serviço religioso.

Duarte Levy no 24horas

2 comentários
  1. tuga/100 permalink
    07/04/2009 12:00

    …A reonstituição a efectuar pela P.J. seria uma coisa séria e…não dava proventos nem publicidade circense, logo…era uma “CHATICE” E…PERDA DE TEMPO…Onde chegou o “ser humano”!!!!!O filme é mais…rentável-ou não???

Trackbacks

  1. Não foi feita reconstituição da PJ porque “porque isso apenas servia para o trabalho da polícia” « Duarte Levy…

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: